Entre o ruim e o pior ainda

E eis que leio que o partido dos trabalhadores cogita o nome de Olivio Dutra para disputar a prefeitura de porto alegre com o poeta e cantor Fogaça que (dizem) foi prefeito da cidade nos últimos quatro anos.

Dada a nulidade do Fogaça, cuja maior conquista deve ter sido transformar a esquina da joão manoel com a sete de setembro em uma pilha de lixo, e o trecho entre a Gen. Bento Martins e a Caldas Jr., pela mesma sete de setembro, em uma cracolândia miserável com cheiro de merda, fica difícil pensar em algum candidato que não fosse ganhar do poeta.

No entanto, o Olívio parece uma ótima opção para perder a eleição. Tem alta rejeição, está velho, tem um discurso anacrônico e um governo do Estado pífio (claro, não vou aqui ser cínico o suficiente para não reconhecer que suceder o pior governo da história do rio grande do sul – Britto – devia ser fácil, mas que o governo do Olívio foi pífio, isso foi).

Estou longe, mas indico, desde já, o mesmo comportamento nas urnas que venho indicando desde 2004: Anulem. Anulem. Anulem.

Não comprem o papo que “isso só mantém as coisas como estão”. Escolham bons candidatos a vereador (devem existir alguns por aí) e anulem a palhaçada da candidatura a prefeito. Eu não aceito que anular o voto seja uma fuga. Não se tu pensares antes de anular e ter todas as razões para isso. Entre o ruim e o pior, anula o teu voto e não carrega ter votado em um imbecil.

Ah sim, exceto se tu puderes colaborar para tirar o Fogaça do segundo turno. Daí eu diria para votar em qualquer candidato que tenha chance de tirar o fogaça do segundo turno, e depois anular no segundo. Sei lá, só pela diversão de ver o poeta chorando na coletiva enquanto explica o fracasso do governo. Alguém aí não achou divertidíssimo isso na eleição para governador? O botox do Germano Rigotto quase explodindo enquanto ele se segurava para não verter lágrimas de sangue explicando a vergonha de ter sido derrotado pelo galo missioneiro dos pampas? Aquilo valeu a eleição inteira!

Comments
2 Responses to “Entre o ruim e o pior ainda”
  1. Andre disse:

    bem coisa de filósofo isso de votar nulo. Prá quê compromisso com a realidade, né? Bom mesmo é poder opinar, mandar tudo às favas, como se nossa opinião não fosse mudar ou não mudar as coisas.
    Deixa estar… Vamos ver quanto tempo tu resiste nesta imersão liberal… ou se cura, ou teremos um novo ministro ex-quase-oposição pedindo desculpas por ter dito besteira contra o presidente operário.

  2. PRESIDENTE OPERÁRIO!
    MEU-DEUS-DO-CÉU

    E filósofo não vota nulo. Filósofo arruma cargo no governo federal e pede desculpas pelo que tinha dito antes (olha o Mangaba, por exemplo).

    Opa, calma aí, AH, AGORA EU ENTENDI.

    :P

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: