Jesus Camp, pt. II

Dá vontade de desistir de tudo.

De mandar tudo pro inferno, se isolar em uma caverna no meio do nada, e passar o resto da vida lendo Flaubert.

Duas passagens deste documentário me tiraram do sério, a primeira é um depoimento dum pastor (que também aparece no Root of all Evil), dizendo que se todos os evangélicos nos Estados Unidos votarem no mesmo candidato, este candidato será o presidente dos estados unidos. A merda é que se tu conhece o sistema político americano, tu sabe que isso é verdade.

Depois,eles preparando um guri para ser um missionário no futuro. Como funciona o processo de preparação.

O pior que esta gente está bem intencionada. Eles acreditam em tudo que fazem, em tudo que dizem. Claro, existem hipócritas – mas a hipocrisia é fruto necessário deste tipo de crença exacerbado, qualquer sistema moral perfeccionista é hipócrita.

Talvez eu só seja um neurótico… mas eu realmente pensei em um Reich de Mil Anos de Neo-Pentecostais.

Medo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: