Tudo que eu sei sobre filosofia

Eu aprendi com Nick Cave:

“I have no free will”, I sang
As I flew about the murder
Mrs. Richard Holmes, she screamed
You really should have heard her
I sang and I laughed, I howled and I wept
I panted like a pup
I blew a hole in Mrs. Richard Holmes
And her husband stupidly stood up
As he screamed, “You are an evil man”
And I paused a while to wonder
“If I have no free will then how can I
Be morally culpable, I wonder”
I shot Richard Holmes in the stomach
And gingerly he sat down
And he whispered weirdly, “No offense”
And then lay upon the ground
“None taken”, I replied to him
To which he gave a little cough
With blazing wings I neatly aimed
And blew his head completely off
I’ve lived in this town for thirty years
And to no-one I am a stranger
And I put new bullets in my gun
Chamber upon chamber

E meu humor tem andado inclemente. Eu culpo o semestre. Sem contar com o fato de eu andar procurando coisas para me deixar mais irritado. No fim das contas, eu acho que finalmente atingi o ponto que minha vida sem o trabalho acadêmico não tem propósito. Amanhão eu compro a primeira parte da nono-logia do Phillip Roth e vou tratar de ser feliz.

Não me peçam para escrever um ensaio com palavras bonitinhas sobre o assunto, no entanto. Palavras bonitinhas são super-estimadas. Um dia desses eu vou me irritar de verdade e sair feito um justiceiro desesperado atrás do povo artê. Uma coisa meio seven, tá ligado? Assim, estética da morte, valeu?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: