Chega de procrastinação

‘bora ler aquele paulino desgraçado do Josiah Royce. Tentação difícil de aguentar a de não jogar o livro pela janela, rasgar, sei lá.

Mas como disse um colega, “quando tu joga um livro fora, tu não joga o livro fora de verdade. Tu só joga as páginas, o livro continua”.

Ainda assim, a vontade de jogar o Josiah Royce pela janela é forte. Parar de perder tempo com isso e ir ler Husserl, sabe? Calma, calma. Semestre que vem tem seminário sobre a Lógica, calma. Tudo passa. Semestre que vem tem aristóteles e Husserl, tudo passa.

Vai ser difícil um seminário pior que esse de filosofia das comunidades, viu? Difícil.

Comments
4 Responses to “Chega de procrastinação”
  1. Pedro disse:

    Fabricio,
    respondo por aqui. Não sei preferes o e-mail ou MSN, mas vai aqui mesmo.

    A conversa foi surreal. O cara me chama (depois de uns 3 anos sem me ver) e começa a detalhar todos os ganhos financeiros (“tem meses que eu ganho R$15.000”) e todas as suas inúmeras conquistas de clientes e mulheres.
    Claro que o sujeito tem algum problema mental, no mínimo um recalque desgramido. Mas isso desestabiliza, pelo fato de ter que abandonar tanta coisa pra ficar 3-4 anos lendo, lendo, lendo, lendo… Coisa que tu deve entender bem!
    Mas, passemos ao que realmente interessa!

    Aquele teu texto sobre o cinema é uma obra! Ainda mais em tempos que uma biopic do Lula (antes das eleições) sairá, com patrocínio privado (tudo bem) e, como não poderia deixar de ser, incentivos e mais incentivos estatais.

    Uma pergunta pra ti(enderçada ao Barretão): tu fala mal de quem paga o teu salário?!

    Problemas brasileiros!

    Espero que esse comentário te encontre bem… Abração!

    PS – Leio sempre o Distropia. Não participo por absoluta incapacidade intelectual e desconhecimento sobre o(s) assunto(s). Um dia, quem sabe!

  2. Comigo, deveria dizer “conosco” , pq envolveu a Tatiana, foi um pouco diferente.

    O camarada chegou todo cheio de “uiuiui sou foda” e colocando prá baixo o lugar onde eu estudo e botando banca de importante porque tinha estudado no local “x”. Foi divertido, pq ele ao mesmo tempo esperava encontrar apoio técnico/conselhos…

    O outro padrão, que ouvi muito, “porque tu não te dedica a ser um tributalista, algo que dê dinheiro, E USA O TEMPO LIVRE PARA ESTAS COISAS, TIPO FILOSOFIA?”

    Filosofia=Ginástica.

    Acho lindo.

  3. Sobre o papo de “não vou comentar no Distropia”.

    Pera aí.

    TU ACHA QUE A GENTE SABE DO QUE A GENTE TÁ FALANDO?

    /morre

  4. Pedro disse:

    hahahaha

    Filosofia do direito como hobby é uma boa mesmo. Imagino que dê tempo pra ler tudo que é necessário nas horas vagas: “Agora que tenho três horas livres, lerei o que o Hegel entende por fenomenologia…”

    Melhor ir pra aula de Body-Pump mesmo!

    No mais, não te duvido que esse sujeito venha pedir ajuda um dia! Claro que, (in)felizmente eu comecei a jogar volei e dei um bloque nele… ;)

    Vou tomar coragem e dar uns palpites por lá também, pois!
    Abração

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: