La vai o Lula, descendo a ladeira

Tá, vamos por partes.

Chamada da folha:

Lula diz que é burrice dizer que inteligência se adquire na universidade

Até aí, tudo bem. Realmente não se adquire inteligência na universidade. Embora eu gostaria de pensar que passar dez anos nesta naba (e contando) pode ter me tornado pelo menos UM POUQUINHO mais esperto. Mas estou me iludindo, é claro.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltou a se defender nesta sexta-feira por não ter um diploma universitário e disse que inteligência não se adquire na universidade. Em discurso de mais de uma hora durante o congresso nacional do PC do B, em São Paulo, Lula lembrou dos tempos em que era líder sindical, falou das conquistas de seu governo e, sem citar nomes, disse que o fato de receber títulos internacionais incomoda e causa ódio em alguns políticos.

Opa, agora ficou complicado. Lulão não foi se educar porque inteligência não se adquire na universidade. Eu achei que era falta de tempo, sei lá. Mas tudo bem, de fato, o FHC se morde de inveja cada vez que o Lulão ganha um Dr.HC. eu sei disso, tu sabe disso, a torcida do fluminense sabe disso. Beleza. Mas eu tenho a leve impressão que o FHC olha para a produção dele na prateleira e pensa que pelo menos ele nunca ganhou nada em cima de algum apelo ao políticamente correto ou reconhecimento da exoticidade alheia.. Afinal, certamente Oxford não deu Dr. HC ao Lulão pela exuberância intelectual do nosso querido presidente – não tô entrando no mérito do prêmio, semana passada a PUC deu um Dr. HC para o Maffesoli o que na minha modesta opinião é o equivalente à consagrar a capacidade intelectual de um porquinho da índia, se o Maffesoli pode, porque o Lulão não poderia? Claro que pode. Mas, amigo Lulão, desculpa, mas tu podia fazer um mea-culpa, né? Até porque num país carente de valorização dos educadores, o presidente falando que prefere tomar uma ceva com os camaradas do que ir ler palavrinha pequena em livro grosso… é meio chato, sei lá. Vê bem, EU TAMBÉM PREFIRO. Mas eu não sou o presidente da república e tal…

“Tem gente que pensa que a inteligência está ligada à quantidade de anos de escolaridade que você tem. Não tem nada mais burro que isso. A universidade te dá conhecimento, aperfeiçoamento. Inteligência é outra coisa. A política é uma das ciências que exige mais inteligência do que conhecimento”, afirmou ao ressaltar que “obviamente” não tem a sapiência dos sociólogos.

Alfinetada direta no Raposão. O nível de viadagem que tá alcançando esta intriguinha entre o Lulão e o Raposão tá de matar, diga-se de passagem. Pelo amor de deus, arrumem um ringue, coloquem um monte de lama, entrem de sunga e RESOLVAM-SE. Sobre inteligência estar ligada aos anos de escolaridade, claro que não tá ligado. Mas pessoas bem informadas votam melhor, pensam melhor e comem melhor. Escolaridade te dá informação – né? Então convém maneirar no anti-intelectualismo, por deus. Outra coisa, “política é uma das ciências que exige mais inteligência do que conhecimento” Lulão? Tá, eu não vou te pedir que tu leia um troço (até porque nós dois sabemos que não vai rolar, e eu queria agradecer agora ao a$$e$$or [Oi Walter!] que tá te lendo este texto e tal, super legal da parte dele, valeu aí, merece a estabilidade o plano de carreira e os quinze salários por ano, super justo), mas vê bem, se tu leste uns livrinho com umas palavrinha grande e letrinha pequena de vez enquando, era capaz de tu não falar asneira do tipo “política é uma das ciências que exige mais inteligência do que conhecimento“. Existe um troço que a gente chama inconsistência lógica. Aprende na faculdade. É chato. É sábado. Ainda passa no sábado o programa do Huck? Ahn? O Sarney tá no telefone? Foi mal.

Lula disse que não tem vergonha de dizer que estudou até a quarta série do Ensino Fundamental mas que conquistou muito mais do que pôde imaginar, como o título que recebeu nesta semana por ser considerado estadista. “Eu compreendo o ódio que isso causa”, afirmou.

Ok, falando sério, nenhum problema nesta frase. É verdade, o Lula tem atitudes de estadista (o tipo de estadista? isso fica prá vocês pensarem), e é verdade que pessoas ressentem ter um homem pobre, que definitivamente não é branco, nordestino e levemente farofeiro no comando da nação. Eu acho uma coisa bastante positiva, acho o Lula ter sido eleito e re-eleito positivo e interessantíssimo enquanto experimento político (embora seja meio perverso ficar torcendo por experimento político quando o Rio de Janeiro tá do jeito que tá). Também é verdade que tudo isso causa um tremendo ódio em certos setores da população. Muito embora boa parte do pessoal esteja manifestamente cagando e andando. Mas concordo com Lulão.

Depois, concluiu o seu raciocínio filosofando. “A vida é assim: as pessoas falam o que querem ouvem o que não querem… A vida é assim, a vida é dura”, afirmou.

Ao falar sobre a participação no congresso, o presidente disse que era muito grato ao partido por sua lealdade. Segundo Lula, se for para ter um companheiro desleal, é melhor ele virar um inimigo.

“Companheiro, que é companheiro de verdade, na dúvida, ele está do seu lado. Não vacila. Acho que o PC do B, embora tenha tido uma outra decepção, a verdade é que o PC do B foi exemplar nesses sete anos de governo e, por isso, não poderia deixar de ir para agradecer”, afirmou.

É impressão minha ou o Lula acabou de defender o adesivismo cego e irrestrito como prática política democrática e desejável? Ele acabou de agradecer ao PCdoB por ser o seu pelêgo velho de guerra, e que se for para votar contra, ele não quer saber de papo. Interessante. Mas me parece que se o Lulão tivesse se educado um pouquinho mais sobre o que tá em jogo em uma democracia… bom, ele saberia que é profundamente anti-democrático dizer este tipo de coisa.

Ou talvez ele saiba. E jogue com tudo isso.

E neste caso, o Raposão tem muita coisa para aprender com a dissimulação do Lulão. E confesso: eu achava que o Raposão era o rei da prática…

Comments
12 Responses to “La vai o Lula, descendo a ladeira”
  1. Bruno disse:

    valeu pela lembrança futebolística ;)

  2. G.D. disse:

    1. Quando o cara vem com aquele papo de que nao seria necessario um curso universitario para que alguem … – blahblahblah, esta coberto de razao.

    2. Entretanto, quando o Lula (veja bem, presidente do Brasil – pais de analfabetos) transmuta isso em “tirada de onda”, como quem SE ORGULHA e RECOMENDA a “malandragem” em DETRIMENTO do estudo, fala MERDA grande, alem de fortalecer Mendelskis e Azevedos da vida.

    3. O comentario sobre o Maffesoli revela tua crescente adesao a PDW (Patrulha Duranga Wittgensteiniana). Nao adianta negar :)

    4. QUE AFUDE! Se eu, tu e a TORCIDA DO FLUMINENSE sabemos de algo, sinal que 17 pessoas sabem de algo. MASSA.

  3. Pedro disse:

    Fabs,
    ainda acho que o Lula vai dormir se mordendo de raiva do FHC.

    Alias, as recentes demonstracoes de carinho do atual presidente mostram o quanto ele quer fazer tabula rasa de tudo que havia antes dele. Qualquer historia do Brasil sempre sera escrita assim: “As importantes mudancas operadas por Lula somente foram possiveis pela reestruturacao feita por FHC”.
    Isso doi, cara!!!

    O legal mesmo seria ver um debate entre dos dois!!!

  4. Tati disse:

    Gente, ainda não entendi o problema com o Wittgenstein, alguém pode me explicar?

    Em tempo: “Patrulha Duranga Wittgensteiniana” é ruim, mas a “Patrulha Molenga Pós-Moderna” não?

  5. Marcelo disse:

    Disse um velho chinês velho.

    “O problema da democracia é que ela funciona”

    Sobre o post, acho que o FP tá com invejinha do LILdS.

  6. Moche disse:

    Na real, isso tudo não tem a mínima importância, como tu escreveu.

    É pura briga de casal, gente.

    (O FHC representa uma espécie de “mulher corneada” pelo futuro, já que – Lula está certo nesse ponto – sempre apostou no fracasso total do PT e hoje nem ele mesmo defende seu governo.)

  7. Moche disse:

    Nem me falem do Wittgenstein. Tá me dando um sono…

  8. Pô, tá certo que é questão de gosto, mas se as investigações tão te parecendo chatas, eu fico pensando o que diabos tu tomou antes de conseguir ler o Totalidade e Infinito inteiro.

    Ah, e por favor, tu pode me dar um pouco? ;P

  9. Moche disse:

    :)

    Melhorou um pouquinho agora depois do § 250.

  10. G.D. disse:

    Tati: certamente nao tem como querer aquelas pintas cuja “filosofia” se resume a fumar uma BAURA fazendo CROMOTERAPIA e discutindo QUALQUER COISA tendo como trilha aqueles discos “O som das cachoeiras”.

    Agora, convenhamos, muitos dos criticos ferrenhos do Mafessoli acreditam que para se dizer algo academicamente relevante, bom mesmo seria sentar em um rochedo nas colinas de Atenas, vestindo uma tunica branca e questionando se aquilo sobre o que estao sentados seria uma “pedra” ou um “ideia de pedra”, ignorando essas questoes menores como raves, transito nas metropoles, “Michael Jackson” e tudo mais.

    SIGO nao entendendo o porque de o termo “Torcida do Fluminense” foi invocado como sinonimia de “massa”.

  11. Ferrari disse:

    Eu só queria que a Capes concordasse com o presidente e me desse um auxílio de pós-doc, pq eu leio mais que muito doutor por aí.

  12. Pedro disse:

    Só para usar um “argumento de autoridade”, pra confirmar o que eu disse acima. Último editorial da The Economist:

    “Lula is right to say that his country deserves respect, just as he deserves much of the adulation he enjoys. But he has also been a lucky president, reaping the rewards of the commodity boom and operating from the solid platform for growth erected by his predecessor, Fernando Henrique Cardoso.”

    http://www.economist.com/opinion/displayStory.cfm?story_id=14845197&source=hptextfeature

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: