20 albuns para uma ilha deserta

Disclaimer: Esta lista não contém albuns de Jazz, Eletrônica e Rap. MPB também não entra. Se fosse para entrar Jazz, Eletrônica e RAP, certamente 1/3 destes albuns não estariam aí.

20) Einsturzende Neubauten – Haus der Luege

Maior album do Neubauten. Tambem o melhor album no estilo.

19) CSNZ – Da Lama ao Caos

Album mais forte de uma banda de rock brasileira que eu já ouvi.  Nada contra o Roots (pensei seriamente em colocar no lugar deste album), mas o Da Lama ao Caos maneja as influencias locais de forma mais incisiva e tem um apelo maior. Na minha modesta opinião, CSNZ é a melhor banda brasileira. Melhor que mutantes, melhor que secos e molhados e certamente melhor que Titãs (gosto de todas as anteriores, diga-se de passagem – tá, não de secos e molhados…)

18) PJ Harvey – White Chalk

Tá cheio de vídeo deste album no blog,não vou colocar os mesmos, de novo. Melhor album da PJ, um soco no estomago, e um dos melhores albuns dos últimos 20 anos.

17) Pavement – Crooked Rain, Crooked Rain

Redefiniu o som que o Velvet inventou sem fazer pose (A/C Weezer) e sem ser um pé no saco (A/C My Bloody Valentine). Minha banda preferida nos anos noventa, com mais ou menos uns duzentos quilometros de distancia pro segundo lugar (Pulp).

16) REM – Automatic for the People

Talvez, o album mais deprimente já escrito. Drive, I’ll try not to breath, Nightswimming e tantas outras músicas. Uma mais sensacional que a outra.

15) Television – Marquee Moon

Alguns dos melhores solos de guitarra já escritos.Tom Verlaine é criminalmente deixado de lado.

14) Bob Dylan – Blonde on Blonde

Precisa justificar?

13) The Rolling Stones – Sticky Fingers

Wild Horses? Check. Sister Morphine? Check. Seria o melhor album dos Stones, se eles não tivessem lançado o Exile. Tem certamente algumas das músicas mais memoráveis da maior banda de rock de todos os tempos.

12) The Beatles – Abbey Road

Este album não inventou a música Pop, mas tornou ela melodicamente perfeita.E também tenho alguma certeza (embora tenha que confirmar a informação com meu irmão) que foi um dos primeiros LPs que eu ouvi na vida.

11) Patti Smith – Horses

Inventou o rock de saias.

10) Neil Young – After the Gold Rush

Valeria só pela música título, se não tivesse outras das melhores composições do Neil Young, atormentado por todos os amigos dele decidindo morrer (ou quase)

9) Sonic Youth – Daydream Nation

Daria para repetir o que eu disse sobre o Pavement. É o album mais importante do Sonic, e também o meu preferido (embora o Sister seja um segundo lugar bastante próximo).

8 ) Can – Tago Mago

O album que o Pink Floyd sempre sonhou em gravar e nunca conseguiu.

7) Nick Cave and the Bad Seeds – No More Shall we Part

Love Letter, No More Shall We Part e Oh my Lord deveriam ser colocadas goela abaixo de todo vermezinho metido a besta que acha que pode escrever uns versinhos tristes e se pintar de poeta.

6) Jimi Hendrix – Are you Experienced?

Se os Beatles codificaram o sequenciamento e harmonização – aquela coisa de escolher as notas certas para os lugares certos – o Hendrix levou o troço para um nível completamente novo ; e até hoje ninguém consegue chegar perto da quantidade de inovação melódica que o Hendrix sugeriu com um único album.

5) Led Zeppelin – Physical Grafitti

Do riff inicial de Custard Pie, passando por Kashmir, In the Light, Ten Years Gone, Physical Graffiti é o trabaho mais coerente do grupo de músicos mais competente que já passou pelo estilo.

4) The Velvet Underground – Velvet Underground and Nico

Acho que é o album mais influente da história do rock.

3) The Rolling Stones – Exile on Main Street

Melhor album duplo já gravado. Tem quase duas horas de música, e tão tem uma maldita música ruim.

2) Sam Cooke – Ain’t that good news?

Elvis, quem? Além de ter ajudado a inventar o Rock and Roll, o album do Sam Cooke tem alguma das melodias definitivas da Stax e é o melhor album de protesto já feito.

1) Bob Dylan – Blood on the tracks

A maior parte dos bons compositores desejaria ter composto pelo menos uma das músicas neste album. O Dylan ter escrito todas, em um espaço de dois anos, e ainda ter seguido uma carreira brilhante depois, só indica a genialidade do Sr. Robert. Como diz o Marcelo Nova “Simple Twist of Fate é Shakespeare, cara!”

[Albuns que quase entraram:
Beck: Sea Change; Pink Floyd: Wish you were here; Nick Cave: TODOS; Lou Reed: Berlin; Neil Young: Tonight’s the night; Beastie Boys: Ill Communication; Iron Maiden: Powerslave; Metallica: Ride the Lightning; Joy Division: Unknown Pleasures;  Bob Dylan: Love and Theft; Bob Dylan: Time out of Mind; Mutantes: Ando meio desligado; Sepultura: Roots; Suicide: Suicide]

Comments
11 Responses to “20 albuns para uma ilha deserta”
  1. Moche disse:

    Porra, até que tu me surpreendeu por controlar as idiossincrasias nessa lista :D

    Tipo, BEATLES!

    Fingi que não li que Powerslave quase entrou (o único disco do IM que poderia sonhar com lista – eca – seria o primeiro).

  2. Sérgio disse:

    Quando a Academia votou? Não me chamaram…Vou pedir revisão dos votos….

  3. Marcelo disse:

    E o Porca Véia?

  4. G.D. disse:

    1. Parada dificil escolher apenas um dos Stones citados em uma hipotetica triagem;
    2. “Abbey Road”: indiscutivelmente o melhor disco dos Beatles. Sempre tem um filhadaputa pra dizer que seria o “Revolver” ou uma “revista especializada” para dizer que seria o “Sgt. Peppers”. Nehhhhhhhhhhhhh;
    3. Dificil tambem a escolha do Dylan. Mas “Time out of mind” na lista da repescagem surpreendeu;
    4. Ja que trata-se da eternidade e da ilha deserta, porque nao resumir e colocar o “Live Rust” do Neil “JOVEM”?
    PS: R.E.M na ilha deserta = suicidio

  5. Pedrinho disse:

    Ao G.D.: Revolver é, sim, o melhor disco dos Beatles.

    Uma lista que exclui rap já não vale, mas eu incluiria aí:

    Nas – Illmatic,
    Jay-Z – The Blueprint e Resonable Doubt,
    NWA – #@%*4Life e, claro,
    Racionais MC’s – Chora Agora, Ri Depois

    Tupac e B.I.G. não entram depois que ficaram de nhenhenhem dando tiro um no outro!

    Sugiro uma lista só de Hiphop e outra só de nativista!

  6. Biajoni disse:

    PUUUUUUUUUUUUUUUUUUUTA LISTA!
    mas…
    (sempre tem um mas)
    ;>)
    ESSES TRÊS ÚLTIMOS TÍTULOS FODERAM-NA.
    :>)

  7. Quais tres ultimos? :)

  8. Moche disse:

    faltou OK COMPUTER porra

  9. DNS disse:

    eu colocaria ainda o mellon collie, mas aí seria a minha lista.

    e concordo com o camarada alí que disse que o automatic for the people em ilha deserta é suicidio. Não pode ser o out of time não? Near wild heaven, Shiny happy people e Losing my religion é uma dose de cafeina com taurina!

  10. Biajoni disse:

    ué, os 18, 19 e 20.
    :>)

  11. Tati disse:

    Tem que revisar essa lista hein? :) Acho que hoje em dia entrariam outros albuns.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: